Por Maria Fernanda Lacerda Pereira

A ascensão do Facebook no Brasil é notória, como não poderia deixar de ser. Temos vários motivos para acreditar nisso: na Índia, por exemplo, o Orkut (que era tão forte quanto no Brasil) já foi destronado, considere ainda o fato de que as possibilidades de monetização e socialização são maiores, a segmentação dos anúncios por gênero, cidade e outros fatores estão cada vez mais bem elaboradas no Facebook e, finalmente, o próprio Orkut tem feito mudanças no seu lay-out para se assemelhar ao Facebook.

Acreditando no incrível potencial desta rede, é imperativo que as empresas utilizem bem o recurso das páginas de Fã do Facebook. Para quem não conhece, veja o exemplo da página da Diet Coke. Compilamos algumas dicas listadas na Social Examiner, para otimizar o melhor meio de comunicação empresa-consumidor do Facebook:

  1. Poste Novidades do seu Negócio
    Não deixe de postar updates freqüentes sobre as novidades da sua empresa, felicitações em feriados, perguntas relevantes, entre outros assuntos capazes de engajar seu público-alvo.
  2. Agregue Diversão
    Afinal de contas, faz parte das características inerentes ao Facebook uma certa irreverência e quantidade de conteúdos divertidos. Não seja sempre sério (leia-se Lineu). Se isso pode prejudicar o relacionamento entre pessoas no mundo real – o mesmo acontece no mundo virtual. Um bom exemplo de como vencer este desafio foi o da Red Bull que pediu para alguns de seus atletas patrocinados postarem em sua página comentários sobre suas aventuras.
  3. Keywords
    A otimização de sites (SEO) dentro do Facebook é altamente importante. Dessa forma, segundo Justin Smith, é importante expressar o máximo possível das palavras-chave relativas ao seu negócio dentro da caixa de descrição da página. Ela torna-se uma carta na manga para a busca orgânica dentro do Facebook.
  4. Faça Perguntas
    Muitas vezes as perguntas tornam-se a melhor maneira de iniciarmos um assunto. Nas redes sociais isso também ocorrre. As perguntas são capazes de despertar a curiosidade das pessoas, provocar novos relacionamentos e discussões acaloradas. Além disso, possuem a vantagem de serem updates simples que podem ser feitos com uma frequência alta.
  5. Separe Tweets e Updates do Facebook
    É claro que é muito mais fácil vincular seus tweets ao Facebook e poupar um pouco de tempo, mas o importante é que estes não sejam seus únicos updates da página do Facebook. As duas redes sociais mencionadas são bastante diferentes e necessitam de abordagem personalizada. Enquanto o Twitter prima por frases espirituosas e notícias, o Facebook abre o leque para comentários e discussões.
    1. Se você quiser ver o artigo completo da Social Examiner acesse aqui. O Ricardo Palma do WebContexto também já publicou um artigo sobre o tema que vale a pena, veja aqui.

      Abraços!

      (E como não poderia deixar de ser, curta o nosso Facebook!)

      Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
      Tagged with →  
Share →